Marketing de conteúdo

Desafios e oportunidades na gestão de marketing

Time em reunião de gestão de marketing

tempo de leitura 7 MIN

compartilhe

A gestão de marketing segue se reinventando a cada dia. Enquanto as ferramentas se multiplicam e as estratégias se sofisticam, os desafios aumentam para as marcas que precisam lidar com um público mais exigente e bombardeado de informações.

Neste contexto, manter-se atualizado sobre os desafios e tendências que norteiam o segmento já não é mais só uma vantagem competitiva, mas uma necessidade para qualquer profissional que deseja se destacar e alcançar resultados excepcionais.

Quer se manter um passo à frente e ficar por dentro das transformações que devem guiar a gestão estratégica de marketing? Neste artigo, você vai encontrar os melhores insights sobre o assunto! Confira. 

Principais desafios que os gestores enfrentam na gestão de marketing

Antes de se atualizar sobre as novas tendências que impulsionam a evolução da área de gestão de marketing digital, é importante ater-se aos desafios que motivaram a ascensão delas. Nós os compilamos em 3 pontos principais, são eles: 

Novas demandas de privacidade e segmentação

Não é novidade que, em um mercado profundamente digitalizado, os dados se tornaram a base de qualquer estratégia de marketing bem-sucedida. 

Contudo, ao passo que as informações dos consumidores se tornaram um ativo valioso e de uso maciço, a privacidade começou a ser uma preocupação entre os usuários. 

Segundo o estudo “2023 Edelman Trust Barometer”, 89% dos consumidores anseiam por mais controle sobre seus dados. Trata-se de um índice bastante significativo, que reflete uma demanda crescente por transparência e confiança nas interações digitais. 

Além disso, a conscientização sobre a vulnerabilidade das informações pessoais também foi impulsionada pela consolidação de regulamentações como a LGPD e pelo aumento do uso indevido desses dados.

Diante disso, um posicionamento focado na privacidade do usuário não só influencia a diferenciação das marcas atentas a essa demanda, como também impacta diretamente os esforços de segmentação na gestão de marketing. 

O Google, por exemplo, iniciou o processo de eliminação gradual dos cookies de terceiros em 2004, como resposta à necessidade de proteger a privacidade dos usuários. Isso deverá dificultar a coleta de dados comportamentais que são a base de muitas estratégias de segmentação.

O desafio agora reside em atender à demanda por hiper personalização por meio de práticas alternativas de identificação de tendências e análise de dados. Esse é o caso da inteligência artificial, que abordaremos adiante.

Mudanças sem precedentes no comportamento do consumidor

A frase “acompanhar as mudanças no comportamento do consumidor” pode até soar clichê na gestão de marketing. Contudo, esse desafio aumenta em níveis sem precedentes. Isso se deve principalmente ao ritmo acelerado das novas interações digitais. 

Se antes as pessoas já eram bombardeadas por uma infinidade de conteúdo, hoje é comum que elas “rolem o feed” para consumir milhares de mídias que prendem a sua atenção por apenas alguns segundos. 

O volume de conteúdo é tamanho, que metade dos consumidores já se sentem sobrecarregados com a quantidade de informações disponíveis na internet, segundo dados divulgados por uma matéria de 2024 da Leadster.

Essa é a nova realidade das plataformas e, nesse cenário, mais do que entender as necessidades, preferências e comportamentos do público-alvo, você deve dominar como ele utiliza os novos meios e como interagem com as marcas.

A fim de conquistar o valioso ativo da atenção, é fundamental ater-se às tendências de conteúdo gerado pelo usuário e ao estreitamento das relações com influenciadores.

A emergência de plataformas revolucionárias como o TikTok adicionou uma nova camada de complexidade à gestão de marketing. Isso exige um entendimento ainda mais profundo das particularidades e oportunidades que cada canal oferece.

Cenário de marketing altamente dinâmico e complexo

Novas tecnologias, canais e estratégias sempre surgiram em um ritmo acelerado no mercado de marketing digital. Mas a ascensão da Inteligência Artificial também elevou essa dinâmica a novos patamares.

Para a gestão de marketing, a necessidade de identificar os canais e estratégias mais eficazes para os objetivos da empresa e seu público-alvo continua central. Entretanto, como citamos, os formatos e plataformas evoluem em um ritmo acelerado.

Ao mesmo tempo, a IA agora permite criar conteúdo em poucos cliques, o que gerou um impasse entre focar no planejamento estratégico ou atender à demanda por volume e imediatismo. 

A resposta ideal está no alinhamento dessas duas questões. Mais que simplesmente utilizar a IA para agilizar e aumentar a criação de conteúdo, ela deve ser uma aliada na análise de dados, segmentação de campanhas e na otimização do ROI. 

Contudo, essa é uma tarefa complexa, que exige esforços de atualização e adaptação às novas ferramentas que surgem a todo momento. Não por acaso, 76% dos profissionais têm medo de perder o emprego para a IA, segundo uma matéria da Exame.

Portanto, o grande desafio é permanecer relevante em um mercado cada vez mais dinâmico, complexo e transformado pela tecnologia, garantindo que a IA seja uma aliada na performance dos profissionais, e não um risco para suas carreiras.

Principais oportunidades e tendências para as empresas aproveitarem

Atento aos desafios que apresentamos logo acima, conheça agora as tendências em gestão de marketing que estão ganhando cada vez mais espaço no mercado a fim de superá-los. Para facilitar sua comparação, também as elencamos em 3 grupos principais, acompanhe: 

Análise de dados, identificação de tendências e hiper personalização

A crescente preocupação com a privacidade de dados dos consumidores, que discutimos anteriormente, está impulsionando uma mudança na forma como as empresas abordam a segmentação na gestão de marketing. 

Diante dessa demanda e da limitação no uso de cookies, a Inteligência Artificial está ganhando espaço. Segundo uma pesquisa divulgada pela Asana, cerca de 30% dos profissionais já estão utilizando IA para análise de dados. Além disso, outros 62% já têm a pretensão de fazer isso.

Por meio de modelos baseados em IA, algoritmos e Machine Learning, as empresas poderão entender seu público-alvo de uma forma cada vez mais aprofundada.

A tendência é que isso aumente de forma significativa a:

  • Otimização dos gastos e esforços de marketing;
  • Criação de anúncios fiquem mais direcionados;
  • Identificação de tendências e previsões precisas.

Esse também é um reflexo das novas demandas de segmentação. Hoje, cerca de 90% dos consumidores julgam que o marketing hiper personalizado às suas individualidades é mais atrativo, segundo a Deloitte.

Graças à IA, as marcas poderão promover experiências profundamente personalizadas em todos os pontos de contato, seja na criação de conteúdo, na recomendação de ofertas ou no compartilhamento de campanhas customizadas para consumidores individuais.

Essa abordagem não só aumenta a relevância das mensagens de marketing, mas promove uma maior conexão com a audiência. Assim, a tendência é que a confiança dos consumidores (antes desconfiados) cresça na mesma medida em que as conversões. 

Influencers, UGC e TikTok

As rápidas evoluções no comportamento do consumidor têm motivado mudanças importantes no posicionamento das empresas, principalmente nas interações e narrativas construídas nas redes sociais.

Um reflexo da saturação do conteúdo compartilhado pelas marcas é a popularização do Conteúdo Gerado Pelo Usuário (UGC), que têm a preferência de 80% das pessoas no consumo de mídia, de acordo com a Tint.

Isso não é por acaso: o UGC é visto como mais autêntico, pois os indivíduos se sentem mais conectados quando se veem representados nas publicações de um negócio.

A demanda por um conteúdo mais autêntico e humanizado também justifica o crescimento de 29% do mercado de marketing de influência em 2023, que atingiu a marca de US$ 21,1 bilhões. O dado é do Influencer Marketing Hub.

Hoje, muitas vezes, vale mais investir em influencers que compartilham da mesma audiência e valores da marca. Apostar em campanhas com alto orçamento de produção, nem sempre garante uma comunicação genuína com o público.

E por falar em conteúdo dinâmico, autêntico, gerado pelo usuário e conectado às marcas por intermédio de influenciadores, seria impossível não abordar a ascensão do TikTok. 

Com mais de 3,5 bilhões de downloads desde o seu lançamento e 90% dos usuários acessando diariamente, segundo o Website Rating, o TikTok se tornou vital para as marcas que desejam promover um conteúdo criativo e envolvente. 

Uma tendência importante nesse contexto é que as empresas começaram a perceber que não basta simplesmente replicar suas campanhas nesse novo canal. 

Na verdade, é necessário adotar uma abordagem própria, alinhada à linguagem do TikTok e que converse com esse novo perfil de consumidor, que está disposto a dedicar sua atenção apenas a quem se comunicar com ele em um nível identificável e pessoal.

Agilidade e adaptabilidade baseada em IA

Em um cenário de gestão de marketing dinâmico, complexo e transformado pela tecnologia, a Inteligência Artificial tem se tornado crucial para superar os desafios mais recentes da área e impulsionar a sua performance. 

Cerca de 25% dos profissionais já utilizam a IA em tarefas administrativas e 57% planejam fazer o mesmo, de acordo com uma pesquisa do The Work Innovation Lab. A tendência é que essa ferramenta seja o caminho para acelerar as respostas às novas demandas do mercado. 

Ao investir em agilidade e adaptabilidade baseada em IA, as empresas podem superar os desafios, otimizando processos e tomando decisões estratégicas mais assertivas. 

Até porque, suas aplicações estão ganhando cada vez mais espaço na automatização de processos, na análise de dados e no próprio apoio à criação de conteúdo com IA generativa.

Dessa forma, a grande tendência é que a Inteligência Artificial passe a integrar profundamente a rotina da gestão de marketing, sendo não uma ameaça aos profissionais da área, mas uma aliada que os libera para focar em um trabalho mais criativo e gerador de receita.

Em busca de uma agência parceira para promover campanhas altamente segmentadas, que sejam orientadas a dados, capazes de conversar com o novo perfil do consumidor e baseada nas tecnologias mais recentes em gestão de marketing? 

Clique aqui e conheça a Gummy! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A Gummy tratará seus dados pessoais para fins de moderação, resposta aos comentários, inclusive, para entrar em contato. Para mais informações sobre como utilizamos os seus dados, consulte a nossa Política de Privacidade.

sobre o autor

Celysa Hirt Rosa

Gerente de Operações na Gummy Conteúdo Inteligente, professora Top 3 do MBA de Marketing USP/Esalq e palestrante. Mais de 18 anos de experiência em liderança, gestão e construção de equipes multidisciplinares.

Veja também:

Mulher fazendo anotações para produção de conteúdo para blog
O guia completo sobre produção de conteúdo para blog
Pessoas analisando resultados de uma estratégia de conteúdo.
Como uma estratégia de conteúdo bem definida pode impulsionar os resultados do seu negócio?
Capa - Blog ainda vale a pena?
Blog ainda vale a pena em 2024? Descubra como aumentar a conversão com estratégias atuais