Sabemos que a otimização do fluxo e distribuição de tarefas sem sempre ocorrem de maneira azeitada em agências jovens. O crescente número demandas e o consequente aumento no número de colaboradores pode acabar gerando desorganização, refações e uma boa dose de stress, além dificuldades para metrificar e gerenciar o trabalho por trás dos entregáveis Por esse motivo, definir um processo para agência de marketing digital é um passo obrigatório para quem quer evoluir de maneira saudável e escalável.

Certo, mas como definir um processo para minha agência?

Primeiramente: pense em um processo escalável – que permita a delegação de funções específicas para cada colaborador e garanta que a equipe possa crescer de maneira organizada mesmo que a quantidade de clientes dobre, triplique ou quadruplique. É isso que você quer, não é mesmo?

Vamos entender melhor:

Como definir um processo para agência de marketing digital?

A setorização do trabalho, a contratação de uma equipe qualificada e o desenvolvimento de um processo para agência de marketing digital são as bases para prosperar no mercado.

Isso significa que é preciso estabelecer um fluxo de gestão adequado para cada etapa do trabalho na agência.

Desse modo, você deve atentar-se às necessidades específicas de cada departamento, criando um:

  • Plano de negócios: focado na instrumentalização das atividades, a fim de cumprir o modelo adotado;
  • Processo organizacional: focado na estrutura da equipe e suas funções, otimizando a utilização dos recursos e qualidade dos entregáveis;
  • Processo comercial: focado na evolução da venda e nas técnicas de prospecção;
  • Processo de gestão de conteúdo: focado no padrão de qualidade dos materiais produzidos dentro da agência, antes que cheguem até o cliente.

Segundo o panorama Agências Digitais Brasil 2018, existem inúmeros desafios para o desenvolvimento e o progresso de uma agência digital:

  • 56% consideram a organização do processo gerencial como sua maior dificuldade;
  • 48,5% veem como problema mais grave a sobrecarga de tarefas dos sócios;
  • 36,1% encontram dificuldades na hora de contratar profissionais qualificados.

Se analisarmos bem, é fácil perceber que todos estes problemas estão interligados. Uma vez que há falta de colaboradores especializados e o envolvimento indevido do C-Level com a demanda de atividades. Assim, é criado um gap e uma série de problemas onde deveria haver a definição de um processo para a agência.

Sem um processo estabelecido, os profissionais podem acabar encontrando dificuldades na realização das entregas e os serviços podem ter uma sensível queda de qualidade.

Pensar em um processo garantirá as organização as atribuições e os fluxos de comunicação externa e interna para otimizar os entregáveis.

Além disso, com um processo bem definido, o C-level tem a tranquilidade que precisa para focar na gestão tática e estratégica e “sair” do operacional sem que a agência desande.

Caso você tenha dúvidas sobre a natureza processual da sua empresa, preparamos uma lista para facilitar o diagnóstico. Saiba mais no próximo tópico!

 

Consequências da falta de processo

A ausência de um processo definido pode prejudicar de inúmeras maneiras a execução de seu projetos. Primeiramente, para que você realize o diagnóstico em seu próprio processo para agência de marketing digital, criamos uma lista com alguns exemplos de sintomas:

  • Falha na comunicação com clientes;
  • Excessivas refações de tarefas;
  • Falta de alinhamento entre as equipes;
  • Baixa qualidade na produção.

Fique atento(a) para solucionar essas questões o mais rápido possível. Já que são indícios fortes a serem revistos no modo como você organiza o processo interno de sua empresa.

Mas, como introduzi-lo com atribuições e tarefas claras entre sua equipe? Veremos a seguir!

 

De que forma estruturar um processo interno?

Ao montar um processo gerencial, a primeira regra é: um time bem estruturado é capaz de entregar mais rápido e com melhor qualidade.

Por isso, pense no fluxo estratégico, em que as etapas de trabalho avancem de maneira colaborativa. Contando com a:

  • Setorização do processo conforme as etapas necessárias ao modelo de negócios de cada agência (Vendas, Marketing, Sucesso do Cliente etc);
  • Divisão clara de atribuições a cada um dos membros das equipes;
  • Descrição de tarefas e procedimentos a serem adotados. Num cenário ideal, crie um documento no qual qualquer novo integrante poderia entender o que deve fazer sem necessidade de treinamento. Se o documento for suficiente para isso, seu processo estará completo;
  • Definição dos perfis adequados para cada profissional integrado;
  • Estruturação do processo de seleção de talentos.

É hora de ilustrar como isso acontece. Você se lembra da Caverna do Dragão?

processo de agência de marketing digital

Equipe unida até nos perrengues.

Na história da série, 6 amigos acabavam presos em um mundo paralelo, após um passeio de montanha-russa. A fim de fugir da situação na qual se encontravam, os personagens passam por desafios bem inusitados.

Pois bem, a animação pode nos ensinar algo a respeito da montagem de equipes. Como já sabemos, é difícil alguém ser bom em absolutamente tudo. Porém, cada pessoa tem uma habilidade em potencial a ser desenvolvida.

No desenho, temos o cavaleiro Eric. Com seu escudo, ele proteje os amigos contra todos os tipos de ataque. Para confrontos diretos, há também o jovem bárbaro Bobby – com sua força bruta – e a acrobata Diana – com golpes rápidos e precisos.

Na retaguarda, o guardião Hank e o mago Presto são responsáveis pela defesa a distância. Por fim, Scheila é a ladina responsável pelas ações furtivas da equipe.

Ou seja: com um processo e um fluxo de gestão bem definidos, eles possuem tudo o que precisam para vencer qualquer desafio.

processo de agencia

Superando desafios com skills individuais

Mas, e o seu time? Deve agir da mesma forma!

Portanto, na hora de montar um quadro de colaboradores, procure

  • Contratar profissionais com perfil de liderança e autonomia;
  • Verificar skills complementares entre os membros da sua equipe;
  • Deixar claro as limitações do exercício e da função de cada um.

Além disso, tenha objetivos claros. Eles servem de norte para a definição das etapas de um processo para o seu negócio. Assim como garantem que os resultados sejam mais efetivos.

Conclusão: a moral da história

Um método bem estruturado pode garantir a qualidade nas entregas, a gestão assertiva e o bom relacionamento com clientes. A implementação de um processo permite o crescimento escalável, definição de metas por setor, a aplicação de métricas e, a partir disso, e extração de insights assertivos para crescimento da agência e expansão dos resultados.

O funciona melhor para a sua empresa? Conte nos comentários! Ainda temos mais dicas sobre processo para agência de marketing digital neste post. Dá um check! )

Contato