Aplicar uma estratégia de marketing eficaz é trabalho exaustivo. É preciso definir personas, produzir conteúdos, promover campanhas orgânicas ou pagas, elaborar um design que seja capaz de comunicar a mensagem da sua marca etc. São etapas que envolvem gerenciar os times até o resultado esperado: melhorar a atração de leads qualificados e aumentar o seu número de vendas para faturar mais. Aqui, entra o Agile Marketing em agências digitais!

Naturalmente, para dar conta de um processo tão complexo e não perder-se em meio às inúmeras atividades, você deve se organizar com maestria. A metodologia revolucionária do Agile Marketing em agências digitais surgiu para agregar agilidade à gestão e unificar o acompanhamento do trabalho de diferentes setores.

Você vai ler sobre:

  • O que é Agile Marketing e como surgiu este método
  • Os 12 princípios do Agile Marketing em agências digitais
  • Como utilizar o Agile Marketing em agências digitais

 

O que é Agile Marketing?

Agile Marketing é uma metodologia de gestão de projetos voltadas para a área de marketing de empresas e agências digitais.

O conceito surgiu como um táticas voltada à otimizar a produtividade no campo da Tecnologia da Informação (TI), especialmente para a criação de softwares. Na prática, isso funciona a partir da divisão de grandes tarefas em uma série de atividades menores. Essas “mini-tarefas” funcionam como um passo a passo para alcançar grandes objetivos a partir do cumprimento de seus ciclos.

Dessa forma, divide-se o projeto final em etapas. Estas são entregues de modo gradativo e permitem o acompanhamento minucioso até a conclusão do trabalho final. Além de conferir mais agilidade ao desenvolvimento de sistemas, o controle é um importante diferencial no planejamento estratégico de ações.

Encontrar esse modelo só foi possível graças aos 12 princípios que fundamentam os métodos ágeis aplicados ao marketing:

  1. A satisfação do cliente vem em primeiro lugar. Por isso, conhecer as suas dores e expectativas é fundamental;
  2. Adaptar-se é preciso! As oportunidades de mercado e os aspectos que fogem ao planejamento exigem respostas rápidas;
  3. É melhor fazer entregas de valor menores, porém mais frequentes;
  4. Um time forte é formado pela união de diferentes competências;
  5. Quanto mais motivada a equipe estiver, maiores serão seus níveis de produtividade;
  6. A comunicação é a alma do trabalho em equipe: seja claro(a) e acessível à todos;
  7. As estratégias funcionais são dinâmicas e, por isso, funcionam melhor que planos engessados;
  8. Os processos mais ágeis aprimoram o ritmo de trabalho da equipe;
  9. Quanto maior o domínio técnico das funções, maior a agilidade em desempenhá-las;
  10. Menos é mais: eliminar desperdícios (de tempo, dinheiro ou energia) é uma forma direta de melhorar o faturamento;
  11. Os times com senso de coletividade e auto-organização têm resultados melhores;
  12. A avaliação e os feedbacks constantes são parte da força motriz que faz com que os processos melhorem.

Basicamente, o que é proposto nesses princípios é um aprimoramento das interações entre os humanos envolvidos no processo comercial. Seja entre os próprios colaboradores ou na compreensão profunda das dores do lead (a fim de resolvê-las), a comunicação é tudo.

Isso, somado ao uso de tecnologias para análise de dados em tempo real, permite ainda um replanejamento constante para responder às mudanças de condições de forma ágil.

Apesar de pensados para o contexto da TI, estes são princípios perfeitamente aplicáveis em outros setores. O Agile Marketing em agências digitais chegou para ficar e demonstra o seu potencial no aprimoramento de estratégias de conteúdo.

Conheça, agora, 2 maneiras complementares de implementar Agile Marketing em agências digitais.

Métodos de Agile Marketing em agências digitais

Este conceito de aceleração de negócios pode ser aplicado de 2 formas, de acordo com as necessidades de cada aplicação. São elas:

Scrum

No método Scrum, há a divisão em ciclos característicos do Agile Marketing em agências digitais nos chamados Sprints. Cada um desses dura de duas até quatro semanas. Nesse meio tempo, devem ser realizadas quaisquer tarefas indicadas na lista Backlog.

No início de cada ciclo, as tarefas são planejadas conforme suas prioridades do momento, gerando a lista final chamada Product Backlog.

Contudo, para garantir o funcionamento, é preciso de um acompanhamento constante. As reuniões diárias (ou Daily Scrum) servem para verificar o que foi feito no dia anterior e identificar as necessidades do dia atual.

Em seguida, o balanço completo é realizado no Sprint Review Meeting, que acontece ao final do ciclo.

Ele serve para apresentar os resultados obtidos. Ao término de tudo, temos o Sprint Retrospective, que serve para planejar o próximo – e assim sucessivamente. Um bom exemplo de ferramenta que possibilita o uso desse método é o runrun.it.

Kanban

O Kanban é um método já bastante popularizado. Apesar de muitos não saberem que se trata disso, outros utilizam deste recurso para implementar o Agile Marketing em agências digitais todos os dias.

É um sistema visual de cartões, aplicado com blocos de notas ou softwares especializados. Em virtude de ser ágil, o Kanban divide-se num quadro, no qual são escolhidas 3 colunas. Elas devem ser nomeadas, respectivamente, como “para fazer”, “fazendo” e/ou “feito”. Cada cartão representa uma tarefa elencada no processo a ser movida entre colunas, conforme o seu desenvolvimento.

É importante definir deadlines para cada entrega e deixar que toda a equipe tenha acesso ao Kanban. Assim, o acompanhamento pode ser feito coletivamente e os companheiros de time podem ajudar-se a concluir as tarefas, antes de começar uma nova. Exemplos de ferramentas que utilizam esse método é o Trello e o ZenKit.

 

Como aplicar Agile Marketing em agências digitais

A essa altura, você já deve ter feito várias relações com o trabalho das agências digitais, certo? Pois esse método desenvolvido em TI é perfeito para aprimorar a gestão de equipes em diferentes setores.

No Marketing, não seria diferente! Aplicar o Agile Marketing na estratégia de sua agência e na de seus clientes pode ser a chave para o alcance de resultados mais consistentes e poderosos

Neste caso, considere relevantes os seguintes aspectos:

  • Satisfação do cliente em primeiro lugar: atenda às expectativas do cliente em cada etapa do funil de vendas e faça entregas perfeitas;
  • Regularidade sempre: esta garante o fluxo de produção e faz com que a estratégia de conteúdo funcione adequadamente;
  • Mude quando for preciso: atente-se às tendências do público para se reposicionar no momento certo.
  • Não ignore seu público: as redes sociais e as páginas de conteúdos estão cheias de ferramentas para contato direto com os leitores. Utilize-os e engaje mais;
  • Todos juntos somos fortes: o trabalho em equipe está no foco do Agile Marketing. A colaboração de todos os envolvidos é fundamental para que o método funcione;
  • Oriente-se por dados: as estratégias Data-driven são o que há de mais sofisticado no mundo dos negócios. Avalie métricas e KPIs certos para aprimorar o processo de produção de conteúdos.

Em suma, se sua agência tem problemas com a falta de organização ou precisa preparar a  equipe para receber novas demandas com agilidade, testar o Agile Marketing em sua produção pode ser uma ótima opção.

E já que estamos falando de trabalho em equipe, que tal conhecer algumas ferramentas para gestão de times? Acesse o link e conheça algumas delas!

 

Contato