BIIIRL! Quem entra no mercado, entra para crescer! Mas, afinal, como fazer sua agência de marketing digital crescer?

passos para sua agência de marketing digita crescer

Contudo, um CEO dedicado e eficiente não irá se contentar com nada menos do que o máximo empenho de sua agência de marketing digital. Por isso, conhecer os passos a fim de seguir no rumo certo é o treino necessário para um crescimento rápido e funcional dentro do mercado.

Sendo assim, entre os motivos que impedem o crescimento de uma agência de marketing digital, temos:

  • Desorganização;
  • Falta de planejamento;
  • Falta de profissionais qualificados;
  • Ausência de inovação;
  • Dificuldades gerenciais.

Apesar de todos eles, o principal fator crítico é a falta de tempo hábil para planejar além do operacional. Isto é, operacionalizar sem processos e objetivos claros. Em outras palavras, “ir fazendo” sem visão estratégica.

Num cenário como esses, é comum um C-Level centralizar o trabalho em si. Com isso, também acaba por realizar atividades que, em teoria, não deveriam ser seu foco.

Sabemos que todo bom CEO deseja dar o máximo para sua agência. Porém, sem metas estratégicas, o sonhado crescimento pode resultar em estagnação.

Entretanto, não é isso que você quer, certo?

Para atingir resultados, é preciso “sair da jaula o monstro”!

como fazer sua agência de marketing digital crescer

Fonte: Buzzfeed – Você precisa assistir a este vídeo do Bambam malhando com mais calma

Pensando nisso, reunimos alguns passos fundamentais para transformar qualquer agência de marketing digital em um verdadeiro “gigante”. Continue a leitura!

 

Como provocar o crescimento da sua agência de marketing digital?

 

 

1) Crie um plano de negócios viável

Levar uma agência de marketing digital ao máximo de sua produtividade é um processo gradual e exige que tomemos certas medidas práticas. Dentre elas, a mais básica é a criação de um plano de negócios que viabilize aproveitar as oportunidades previstas.

Com base nesse planejamento, é possível avaliar as questões do empreendimento em si. Além disso, pode-se montar uma estratégia fundamentada na realidade do mercado, da operação e da gestão financeira. Através dele, você consegue definir e comunicar o que é a agência e quais são as perspectivas de crescimento.

Essa medida diminui as incertezas e aumenta as chances de consolidar a agência de marketing digital. No entanto, os dados mais importantes para elaborar um plano de negócios são relacionados:

  • Ao setor de atuação;
  • Ao mercado-consumidor;
  • Ao mercado-fornecedor e sua capacidade;
  • Às atividades da concorrência;
  • Aos serviços serão prestados;
  • À análise financeira;
  • À projeção do volume de serviços/contratos almejado;
  • À elaboração de um processo operacional eficiente e viável.

No SEBRAE, você encontra informações sobre a estruturação do plano de negócios e tem acesso a uma ferramenta para auxiliá-lo(a) nessa tarefa.

2) Planeje com um Norte

É essencial ter clareza sobre todas as informações consideradas no plano de negócio e revisá-lo frequentemente para garantir que o crescimento aconteça conforme planejado.

Logo, a origem está na definição das metas da agência. Se queremos chegar a algum lugar, o mais importante é saber exatamente onde queremos ir. Por isso, defina objetivos globais para empresa, bem como seus Valores, Missão e Visão. A fim de saber mais sobre estes conceitos, clique aqui.

Sobretudo, se você está na fase de definição dos objetivos ou sente que é hora de revisar o planejamento, lembre-se que existem recursos simples que ajudá-lo muito.

Todavia, não sabe por onde começar a planejar?

“Old, but gold”, a matriz SWOT é uma ferramenta de análise simples – também conhecida e traduzida no Brasil como FOFA – capaz de identificar Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças. Leia mais, aqui.

Além disso, utilize ferramentas que facilitem a compreensão de seu público-alvo E, a partir daí, estabeleça drivers de produto, comunicação e distribuição.

São exemplos a criação de personas, testes A/B e pesquisas de mercado.

De tal forma, caso a sua agência já esteja em crescimento, busque ainda conversar com a equipe de Vendas. Aproveite, inclusive, seu Customer Success para extrair o máximo de informações sobre o comportamento de clientes ativos.

3) Utilize diferentes estratégias

Se sua agência de marketing digital é capaz de auxiliar os outros a saírem da jaula, ela deve ajudar a si mesma também.

Afinal, existe algo mais convincente do que exemplos próprios de sucesso? Quando o assunto é ser reconhecido como autoridade, ser negligente com o próprio marketing NÃO é uma opção.

Por isso, não deixe de bolar um plano de Marketing e Vendas eficaz para aquisição de clientes.

Pense, desse modo, em estratégias para manter o CAC (Custo de Aquisição por Cliente) o mais baixo possível. Isso sem perder a capacidade de atribuir bons resultados à tática escolhida.

4) Aplique Inbound e Outbound juntos

Uma boa prática é fazer uso de Outbound Marketing para acelerar o crescimento, de forma paralela ao Inbound Marketing.

Todavia, com o uso de prospecção passiva, temos um acréscimo na atração orgânica. Reduzindo, assim, a necessidade de investimento em anúncios.

Entretanto, sabemos que resultados com Inbound não são imediatos e podem não ser compatíveis com sua necessidade de crescimento.

O que fazer, então?

Para suprir as necessidades de um ROI mais ágil, o Outbound é o seu melhor aliado.

Isso não significa investir milhões em anúncios – e, muito menos, partir para a publicidade tradicional.

Ao invés disso, invista em técnicas de prospecção ativa como cold mail, cold call etc. Também faça uso de ferramentas que automatizem esse processo, como Ramper e o Linkedhelp.

Dessa forma, você literalmente “vai à caça” dos leads, trazendo resultados mais rápidos.

Agregando as duas táticas ao seu modelo de aquisição, o alcance dos objetivos se dará a médio e a longo prazo. O que significa que sua agência de marketing digital poderá prosperar não só com agilidade, mas também com solidez.

5) Precifique os produtos digitais

A propósito, já parou para analisar a rentabilidade individual de cada projeto?

Será que você está cobrando, realmente, o valor correto por job?

Segundo dados da Umbler, 41% dos meios de agência de marketing digital veem a precificação como seu maior desafio no desenvolvimento do plano de negócios. Para aquelas que se encontram em fase de crescimento, esse problema representa uma grande dor de cabeça aos gestores e demais profissionais.

Portanto, um erro clássico é a precificação com base em custos de fornecedores e gastos fixos. Isso sem considerar o valor de cada hora depositada no projeto.

Aliás, outro problema está em precificar os serviços apenas com base nos custos, e não no valor entregue para o cliente.

Para resolvê-o, faça a seguinte pergunta: “Qual é o impacto do trabalho da agência sobre o ROI (Retorno Sobre o Investimento) do cliente?”

Ainda não sabe a resposta?

Então, comece analisando as métricas adequadas, tais como vendas geradas a partir de esforços de marketing.

Ou seja, saiba quanto seu cliente pode ganhar investindo em sua marca. Além disso, tenha em mãos dados que sejam capazes de provar isto a ele na hora da venda. Para tal, utilize a seguinte fórmula:

Valor agregado = perspectiva de ganhos do cliente x valor investido no serviço da agência.

Desse modo, você pode estabelecer uma precificação que faça jus ao valor entregue. E, com o custo adequado, garantir um fluxo financeiro saudável ao crescimento.

A fim de facilitar sua vida, desenvolvemos uma planilha gratuita para precificação de produtos digitais. Baixe-a agora mesmo e aproveite!

6) Desenvolva uma cultura de inovação

Por fim, e não menos importante, não cometa o erro de esquecer do fator humano.

Até porque você jamais contrataria um engenheiro para fazer uma cirurgia, certo?

Quanto à sua agência de marketing digital, a lógica utilizada precisa ser a mesma.

Sendo assim, contrate profissionais compatíveis com o exercício de cada função, dispostos a aceitar as funções atribuídas. E que detenham, inclusive, o conhecimento necessário ou possuam disponibilidade para aprender e refinar sua atual experiência in loco.

Apostar nos talentos certos garante não só reações mais rápidas às mudanças de cenário, como cria uma cultura de inovação constante.

Porém, como escolher esses talentos?

“Contrate caráter, treine habilidades”

A célebre frase do empreendedor e CEO da Porsche, Peter Schutz, reflete outro ponto importante. Ou seja, a gestão de recursos humanos em agências digitais como construção de uma cultura sólida.

Afinal, para que um CEO durma tranquilo, é preciso que sua equipe vista a camisa da agência.

Para isso, defina critérios fundamentais para seleção de colaboradores e invista no desenvolvimento e retenção de talentos.

Auxiliar no crescimento pessoal e profissional, além de ser gratificante, é o segredo para construir um ambiente de trabalho inspirador e produtivo.

Cresça. Mas, não esqueça do principal!

Somente não vale crescer demais e esquecer da qualidade dos entregáveis. Afinal, eles são seu principal argumento de venda.

Independentemente, este é um assunto para outro post. Clique aqui para saber mais sobre qualidade de conteúdos e satisfação dos clientes.

Para finalizar, é aquele ditado: no pain, no gain. Continue trabalhando duro e conte com a Gummy para ajudar você a conquistar objetivos cada vez maiores.

Vá para cima deles, monstro!

Contato